19 de outubro de 2015

The Legend of Zelda - Link's Awakening DX

Gosto mais da capa dourada...
Desenvolvido por: Nintendo EAD
Publicado por: Nintendo
Director: Takashi Tezuka
Produtor: Shigeru Miyamoto
Artista: Yoichi Kotabe
Argumentista(s): Yoshiaki Koizumi, Kensuke Tanabe
Compositor(es): Kazumi Totaka, Minako Hamano, Kozue Ishikawa, Koji Kondo
Plataforma(s): Nintendo Game Boy Color, Virtual Console
Lançamento: 12-12-1998 (JP), 18-12-1998 (EUA), 01-01-1999 (EU), 07-05-2011 (VC)
Género: Action Role Playing Game
Modos de jogo: Modo história para um jogador
Media: Não se aplica
Funcionalidades: 3 slots para gravação de progresso no cartão de memória
Outros nomes: Zeruda no Densetsu: Yume o Miru Shima DX (ゼルダの伝説 夢をみる島 DX que se traduz em "The Legend of Zelda: The Dreamed-Up Island DX") (JP)
Estado: Não se aplica
Condição: Não se aplica
Viciómetro: Acabei-o duas vezes e mais virão.

(Está de chuva...)

Esta miúda passa a vida nas cantorias.
Hoje para variar (ou não) um bocado é dia de Jogalhões Flash! Isto porque o jogo que trago até aqui hoje, já o dei a conhecer na sua versão original a preto e branco (ou preto e verde, se preferirem) e esta versão é apenas uma actualização do mesmo que saiu posteriormente já no Game Boy Color em 1998/1999. Esta versão digital foi adquirida na eShop da 3DS algures entre Setembro e Outubro de 2014, numa promoção por cerca de 3.99€. Preferia ter a versão original física mas como queria jogar isto novamente e o meu original ficou sem pilha para gravar (sendo eu preguiçoso não a mudei pois isso implica desmontar o cartucho), lá me decidi por esta opção mais simples (e barata).

6 de outubro de 2015

Killer Is Dead [Limited Edition]

Zappa, Mondo Zappa.
Desenvolvido por: Grasshopper Manufacture
Publicado por: Kadokawa Shoten (JP), XSEED Games (EUA), Deep Silver (EU)
Director: Hideyuki Shin
Produtor(es): Yoshimi Yasuda, Shuji Ishikawa
Designer(s): Goichi Suda, Keisuke Makino, Yudai Yamaguchi, Hideyuki Shin
Compositor(es): Mitsumi Akaishi, Takaaki Asakawa, Kengo Osada
Motor gráfico: Unreal Engine 3
Plataforma(s): PlayStation 3, Xbox360, PC
Lançamento: 01-08-2013 (JP), 27-08-2013 (EUA), 30-08-2013 (EU)

Género(s): Acção, Hack 'n Slash
Modos de jogo: Modo história para um jogador
Media: Blu-Ray Dual Layer (50GB)
Funcionalidades: Instalação no disco rígido (4091MB mínimo), Compatível com função de vibração, HD 720p, DLC adicional
Estado: Completo
Condição: Impecável 
Viciómetro: Acabei-o três vezes nas diferentes dificuldades.

(O JDF chegou às 100 mil visualizações! Um grande bem haja a todos os que contribuíram para o efeito, directa ou indirectamente!)

Autocolantes... nhec!
Suda Goichi, ou como é mais conhecido, Suda51 é sem dúvida um dos nomes mais sonantes no que toca a videojogos oriundos do país do sol nascente. A sua excentricidade tem proporcionado ao longo destes anos alguns dos jogos mais tresloucados e nonsense de sempre, que nem sempre têm o merecido lugar de destaque por não serem suficientemente bons aos olhos da crítica. Mas os fãs, esses que se alimentam desta cultura, têm dado o feedback necessário para que de vez em quando lá apareça mais uma dose de loucura ao bom jeito de Suda51. O jogo que vos apresento hoje é um claro exemplo disso, indo buscar referências a outros jogos da sua autoria mas também a filmes e afins. O exemplar em questão foi adquirido numa loja online nacional algures em Setembro de 2013 por cerca de 20 euros.

2 de outubro de 2015

Red Steel

Nintendo Selects...meh!
Desenvolvido por: Ubisoft Paris
Publicado por: Ubisoft
Produtor: Roman Campos Oriola
Compositor: Tom Salta
Motor gráfico: Unreal Engine 2.5, PhysX
Plataforma: NintendoWii
Lançamento: 19-11-2006 (EUA), 02-12-2006 (JP), 08-12-2006 (EU)
Género: First Person Shooter
Modos de jogo: Modo história para um jogador, Multiplayer local em splitscreen para quatro jogadores
Media: DVD-ROM (4.7GB)
Funcionalidades: Gravação de progresso na memória interna da consola
Estado: Completo
Condição: Impecável
Viciómetro: Acabei-o uma vez.

(nhecos)

Sem autocolantes.
Desde sempre que os FPS fazem parte da minha dieta videojoguística. De vez em quando, sabe sempre bem deixar todos os outros géneros de lado para dar uns tirinhos e assim desanuviar. E hoje em dia não é difícil, tendo em consideração a oferta que existe no mercado ao longo das mais variadas plataformas. Com alguns bastante decentes e outros menos bons, a verdade é que existem FPS para todos os gostos e alguns deles destacam-se dos demais por diversos motivos. O jogo que trago até aqui hoje encaixa-se perfeitamente nestes padrões. É um FPS como outro qualquer mas tem algo que o destaca e o torna único. Este exemplar foi adquirido entre Setembro e Outubro de 2014 por 5 euros na Fnac do Almada Fórum.