24 de maio de 2012

Aliens - Infestation


Boa cover art! :D
Desenvolvido por: WayFoward, Gearbox Software
Publicado por: Sega
Director: Adam Tierney
Produtor: Randall S. Pitchford II
Designer: Adam Tierney
Artista: Chris Bachalo
Plataforma: Nintendo DS
Lançamento: 30-09-2011 (EU), 11-10-2011 (EUA)
Género: Acção, Plataformas
Modos de jogo: Modo história para um jogador
Media: Cartão de jogo com 256Mbit
Funcionalidades: Gravação de progresso no cartão de jogo (2 Slots)
Estado: Completo
Condição: Impecável
Viciómetro: Acabei-o duas vezes sem perder nenhum Marine.

(Hoje que devia estar bom para a praia, está vento.)

Game Over man!
Agora que a data de estreia do Prometheus se aproxima, começa a crescer a pica - conhecida hoje em dia pela expressão hype - relativamente a tudo o que é relacionado com a saga Alien, que é para mim um dos maiores clássicos de sempre no campo da ficção científica. E é certo que existem diversas maneiras de atenuar esta pica até o filme estrear, sendo que a mais comum é mesmo ver os filmes antigos. A outra remete-se para o patamar dos videojogos onde existem N títulos alusivos à saga, uns bons, outros menos bons e ainda spin-offs e afins. O jogo que trago aqui hoje é uma espécie de continuação do segundo filme sem contudo ter nada a ver com o futuro Aliens - Colonial Marines, a verdadeira sequela. Este exemplar ficou-me por cerca de 8 euros e mais qualquer coisa, numa loja online, em Abril deste ano.

21 de maio de 2012

Dead Island

Nice artwork!
Desenvolvido por: Techland
Publicado por: Deep Silver
Compositor(es): Pawel Blaszczak, Giles Lamb
Motor gráfico: Chrome Engine 5
Plataforma(s): PlayStation 3, Xbox360, PC
Lançamento: 06-10-2011 (EUA), 09-20-2011 (EU), 20-11-2011 (JP)
Género: Survival Horror, Open-world First  Person Shooter, Role Playing Game, Sandbox
Modos de jogo: Modo história para um jogador, Multiplayer online co-op até 4 jogadores
Media: BluRay
Funcionalidades: Gravação de progresso no disco rígido da consola (5MB mínimo), Suporte HD 720p, Compatível com DualShock 3, DLC adicional
Estado: Completo
Condição: Impecável
Viciómetro: Acabei-o duas vezes, muitas horas de jogo.

(Por diversos motivos, nomeadamente spam e comentários sem nexo, decidi que só utilizadores registados ou com Open ID podem comentar.)

Hoje em dia existem imensos factores decisivos que nos ajudam na hora de comprar um novo jogo para a nossa colecção. Um deles é sem dúvida o marketing em torno do mesmo, que quando é utilizado de forma inteligente, resulta. Por outro lado existe o factor eyecandy que também pode surtir algum efeito na população em geral mantendo o grande bolo em segredo até ao dia D. No caso do jogo que trago até aqui hoje, o factor eyecandy começou neste excelente vídeo que deixou meio mundo boquiaberto, sobretudo pela qualidade visual e pela premissa em si, que neste caso também foi abordada de uma forma brutal. O marketing seguiu-se logo após. Poderá não ter convencido todos mas a mim convenceu-me e nem foi pelo vídeo. Este exemplar foi adquirido numa loja online, como é hábito, por 20 e poucos euros.

18 de maio de 2012

Final Fantasy II


Cor-de-rosinha!
Desenvolvido por: Square, Tose
Publicado por: Square Enix
Director: Hironobu Sakaguchi
Produtor: Masafumi Miyamoto
Designer(s): Hiromichi Tanaka, Akitoshi Kawazu, Koichi Ishii
Artista(s): Yoshitaka Amano
Argumentista(s): Kenji Terada, Hironobu Sakaguchi
Compositor(es): Nobuo Uematsu
Plataforma(s): PlayStation Portable e muitas outras
Lançamento: 07-06-2007 (JP), 24-07-2007 (EUA), 08-02-2008 (EU)
Género: Role Playing Game
Modos de jogo: Modo história para um jogador
Media: Universal Media Disc (1.5GB)
Funcionalidades: Gravação de progresso no Memory Stick
Estado: Completo
Condição: Impecável
Viciómetro: Acabei-o uma vez mas não fui perder tempo nas dungeons extra.

(Praia e mais praia.)

Mais cor-de-rosinha!
Na sequência da última análise, eis que trago até aqui mais um jogo desta longa saga que dá pelo nome de Final Fantasy e parece não ter final à vista, ainda que os jogos não mantenham continuidade entre si, excepto dois casos pontuais devido ao sucesso ou algo parecido dos títulos anteriores. No que concerne a este exemplar, foi adquirido na mesma altura do primeiro, pela mesma quantia de 8 euros e, obviamente, na mesma loja online.

4 de maio de 2012

Final Fantasy


Sempre é melhor que os "Essentials".
Desenvolvido por: Square, Tose
Publicado por: Square Enix
Designer(s): Hironobu Sakaguchi, Hiromichi Tanaka, Akitoshi Kawazu, Koichi Ishii
Artista(s): Yoshitaka Amano
Argumentista(s): Kenji Terada, Hironobu Sakaguchi
Compositor(es): Nobuo Uematsu
Plataforma(s): PlayStation Portable e muitas outras
Lançamento: 19-04-2007 (JP), 26-06-2007 (EUA), 08-02-2008 (EU)
Género: Role Playing Game
Modos de jogo: Modo história para um jogador
Media: Universal Media Disc (1.5GB)
Funcionalidades: Gravação de progresso no Memory Stick
Estado: Completo
Condição: Impecável
Viciómetro: Acabei-o uma vez, tendo feito quase tudo.

(Quero uma PS3 nova!)

Nada de grandes detalhes.
Existem jogos que envelhecem mal, devido a diversos factores. Um dos mais recorrentes é sem dúvida a jogabilidade e a própria mecânica de jogo, que se tornou obsoleta devido às constantes actualizações da mesma. O jogo que aqui trago hoje é para muito um exemplo disso pois trata-se do primeiro de uma extensa saga com mais de vinte anos. Mas na minha opinião, creio que até envelheceu bem e consegue ser melhor do que muita coisa que se faz hoje em dia. Este exemplar foi adquirido algures em 2011, numa loja online tendo custado cerca de 8 euros. Trata-se contudo da versão americana mas não há diferenças a assinalar, excepto o packaging ser diferente.